Quem Somos Produtos e Serviços Cases Clientes Artigos Galeria de Eventos Fale Conosco

artigos

artigo3

 

GESTOR DE PESSOAS PROCURA-SE
J.A.Nobre

A Ao longo da minha carreira profissional tenho atuado junto a muitos empresários e diretores de organizações.
Dentre suas maiores dificuldades destaca-se a necessidade de encontrar profissionais para comandar equipes de trabalho.
metodologia empregada para atender essa demanda varia desde a ajuda de “headhunters”, até (por incrível que pareça) a “sortear” entre seus colaboradores, aqueles que mais se destacam nas atividades diárias. Sendo que neste último caso, quase na totalidade das vezes, perde-se um colaborador competente para obter um chefe medíocre.

Nessas escolhas valorizam-se o “tempo de casa”, a assiduidade, o comprometimento, a honestidade, a obediência, questões para mim indiscutíveis para qualquer profissional, deixando-se de lado qualidades fundamentais para a gestão de pessoas.
Um dos casos que considerei muito interessante ocorreu numa empresa de médio porte.
Necessitando de um supervisor para uma linha de montagem, o diretor solicitou ao gerente industrial que lhe sugerisse algum dos colaboradores para ocupar o cargo. Rapidamente o gerente forneceu o nome de um colaborador, ao que o diretor perguntou:
Ele fala???

Ainda lembro do olhar um tanto perplexo do gerente.
Sem dúvida, são muitas as qualidades necessárias para comandar pessoas.
Profissionais escolhidos de forma empírica, em geral, não estão preparados para atuar em tarefa tão desafiadora, que exige habilidades significativas no entendimento de seres humanos repletos de necessidades, talentos e limitações.
Muitos, ao iniciar essa nova função, seguem o exemplo de maus profissionais que comandam pelo medo.
Outros, no desejo de provar que a sua escolha para o cargo foi extremamente acertada, querem mostrar que sob o seu comando a unidade passará a produzir muito mais do que antes. Para tal usam toda e qualquer forma que possibilite atingir resultados, empregando desde a pressão, à promessa de propiciar benefícios e regalias aos colaboradores.
Com muita freqüência, ao ser convidado para realizar palestras para organizações, o tema em pauta é “motivação”.
Muitos empresários e diretores perguntam:
O que devo fazer para motivar meus colaboradores???
Considero fundamental examinar primeiramente, quais as causas que conduzem as pessoas a estarem desmotivadas nas empresas, o que as levam para esse caminho.
Ao realizar pesquisas de satisfação de clientes internos, tenho constatado que um percentual expressivo de colaboradores se sente desmotivado devido a atuação de seus comandantes. Queixam-se de um infindável número de atitudes (ou a falta de), que prejudicam seus desempenhos, que castram suas aspirações de participar, de contribuir, de sentirem-se importantes e valorizados e, sendo assim, tornam-se apáticos e desinteressados.
E como foi que tudo começou???
Começou pela escolha inadequada, de pessoas não ou mal preparadas para lidar com gente.
Ao conversar com profissionais de diferentes níveis, depois de algum tempo, é raro o tema abordado por muitas dessas pessoas, não ser direcionado a apontar falhas de seus dirigentes. Desde as ordens que recebem, até às decisões que seus chefes adotam, considerando-as impróprias e prejudiciais à própria organização.
Muitas são as empresas que definham por não possuírem, à frente de suas equipes, gestores que reúnem as condições necessárias para atuar adequadamente na arte de administrar pessoas.

Procura-se gestor de pessoas!
Exige-se:
- liderança, comunicação, discernimento, saber ouvir, ter flexibilidade, aceitar críticas e principalmente, conhecer pessoas e saber lidar com elas.
Conhecer o mercado, o produto e a própria organização, sem dúvida, é muito importante. Entretanto, profissionais de sucesso sabem que isto não basta.
Um verdadeiro gestor sabe que o seu sucesso ou fracasso sempre estará atrelado a atingir metas. Metas, que evidentemente só podem ser atingidas com pessoas que se sentem valorizadas, que são tratadas com respeito, num ambiente de trabalho que proporcione a realização pessoal e profissional a pessoas tão diferentes em conhecimentos, habilidades, desejos e aspirações.

Você ... é um Gestor de Pessoas???





 
© Copyright 2006, J.A. Nobre Consultores Associados
Webdesign by Webbureau